Facebook

Cafe verde para emagrecer

cafe-verde-emagrece-cpa.jpg Istockphoto/Thinkstock

A nova moda das dietas é o café verde. O ingrediente nada mais é que o grão de café sem passar pelo processo de torra. Por ser consumido in natura, o ingrediente tem sabor mais amargo, menos aroma e duas vezes mais cafeína, característica que o torna um alimento funcional para emagrecer.

Veja também:
Benefícios do café
C
afé para tratar a celulite
C
há e café melhoram a atenção

Composto por 15% de proteína, ácido aspártico e leucina, segundo a endocrinologista Tatiana Cunha o café verde emagrece porque atua de quatro formas dentro do organismo. Mas não é só: rico em antioxidantes, o grão previne o câncer e combate o envelhecimento precoce.

Benefícios do café verde

Acelera metabolismo

Segundo a especialista, o fato de o ingrediente carregar duas vezes mais cafeína que o grão torrado é que o torna o queridinho das dietas. A cafeína é a substância responsável por acelerar o metabolismo, ação que gera mais energia através da queima de gordura localizada.

Elimina gordura

Tatiana explica que suas substâncias ainda são capazes de oxidar a gordura, ação que facilita a eliminação através do sistema excretor.

Aumenta disposição

A inibição das adenosinas é a ação responsável por estimular o esforço físico. O neurotransmissor é o responsável por induzir o sono, portanto, sua ausência aumenta a disposição para a prática de exercícios físicos que emagrecem.

Controla o açúcar

Contendo de 5% a 10% de ácido clorogênico, o café verde controla a diabetes. A afirmação se justifica pois a substância diminui a absorção de glicose no intestino através da eliminação da enzima que digere e libera o açúcar na corrente sanguínea.

Café verde é antioxidante

cafe-verde-emagrece-2.jpg Istockphoto/Thinkstock

Com 0,06% a 0,32% de teobromina, telfina, tanino e flavonoides, o café verde carrega substâncias que combatem a ação dos radicais livres e, portanto, limpam as células e previnem o envelhecimento precoce.

Onde encontrar

Segundo Tatiane, embora existam cápsulas de café verde, a melhor opção é optar pelo pó solúvel, já que a versão encapsulada pode ser alterada e conter outras substâncias.

Como consumir

Segundo a especialista, o consumo deve ser orientado por um endocrinologista após a avaliação do paciente, porém, a quantidade ideal gira em torno de 200 mg por dia – de manhã e a tarde.

Artigos recomendados

0 Comentários

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.